Viagens de intercâmbio na terceira idade

Viagens de intercâmbio na terceira idade

Quando falamos em intercâmbio, a primeira imagem que nos vem à mente é de um grupo de jovens empolgados em algum aeroporto, certo? Pois podemos acrescentar o pessoal da terceira idade neste cenário. Nos últimos anos vem crescendo substancialmente a oferta e a procura de pacotes de intercâmbio destinados às pessoas com mais de 50 anos que estão em busca de novas experiências em outro lugar, acopladas a algum curso de idioma ou conhecimento cultural.

Intercâmbio da terceira idade – O que é?

Intercâmbio na terceira idade é um programa de estudos ou cultural direcionado às pessoas com mais de 50 anos. Na realidade, algumas agências aceitam a participação de pessoas de 45 anos acima, mas a maior procura desta modalidade é de pessoas entre 50 e 70 anos de idade.

Os pacotes para a terceira idade contam com uma assistência adicional, além de cursos para pessoas que desejam ter uma experiência de vida fora do país. Existem também as modalidades com cursos de línguas ou em alguma área de hobby pessoal.

As atividades incluem inserções no idioma do país escolhido através de passeios, visita a museus e centros históricos, contato com a culinária local, etc. Sempre sob o acompanhamento de profissionais especializados para fazer daquele momento uma experiência inesquecível.

Destinos preferidos para intercâmbio dos brasileiros da terceira idade

Os países mais escolhidos por brasileiros que fazem intercâmbio na terceira idade são Estados Unidos, Canadá e Malta. Por esse motivo está cada vez mais fácil encontrar grupos de intercâmbio para eles. A maioria das opções tramitam entre viagens de até 4 semanas, e os custos giram em torno de R$ 4.500,00, além das passagens aéreas.

Sendo uma boa opção para uma aventura extraordinária, sem abrir mão da segurança e do conforto, os intercâmbios tendem a aumentar no atendimento ao público da terceira idade. Que tal saber um pouco mais sobre isso?