Turismo de trem na Argentina

Turismo de trem na Argentina

Buenos Aires é uma cidade fascinante. Milhares de turistas do mundo inteiro visitam todos os anos as atrações que se concentram na metrópole. Turismo de diversas ordens são possíveis. Gastronomia, parques, lagos, etc. A questão é que a Argentina tem muito mais a oferecer, além da Cidade Autônoma.

Mesmo que muitos tenham a capital como principal destino, sabemos que a Argentina vai muito além de Buenos Aires. E para essas pessoas que querem explorar a Argentina de maneira diferente, uma boa opção é viajar de trem pelo país.

Veja também:

Buenos Aires, Argentina – 15 pontos turísticos

Viagens de trem pela Argentina

Muito comum na Europa, viajar através do transporte ferroviário pode proporcionar boas experiências para quem se dispor, como a vantagem de poder apreciar a paisagem pelo caminho – que, diga-se de passagem, é espetacular em grande parte da Argentina.

A Operadora Ferroviária do Estado conta atualmente com 3.870 km de rede de trilhos em todo o país, conectando 360 estações através de 1893 serviços todos os dias.

O objetivo maior do órgão é utilizar as ferrovias para contribuir com a integração do território pelo Sistema de Transporte Multimodal, transportando 345 milhões de passageiros por ano.

Serviços regionais e de longa distância

Talvez muitos não saibam, mas os serviços ferroviários regionais e de longa distância da Argentina conectam doze províncias em uma malha ferroviária de 6.007 km de estradas ligadas por 126 estações. São Elas:

  • Buenos Aires – Mar del Plata
  • Buenos Aires – Chivilcoy
  • Buenos Aires – Junín
  • Buenos Aires – Rosario
  • Buenos Aires – Córdoba
  • Buenos Aires – Tucumán
  • Buenos Aires – Bahía Blanca
  • Serviço Regional Chaco
  • Serviço Regional Salta
  • Villa María – Córdoba
  • Serviço Regional Neuquén
  • Serviço Regional Córdoba
  • Serviço Regional Entre Ríos
  • Posadas – Encarnación

Área Metropolitana

Para aqueles que querem usufruir das vantagens do trem, porém apenas pela região metropolitana, sem problemas. Existe uma grande malha ferroviária à disposição, alcançando toda a cidade e, principalmente os pontos turísticos. Realmente, há muito o que explorar.

Turismo de trem na Argentina