Recife – 16 pontos turísticos imperdíveis!

Recife pontos turísticos imperdíveis

Recife é uma grande cidade que, além de ótimas praias, é recheada de pontos históricos para que o turista de delicie. Olinda, cidade vizinha, completa o roteiro oferecendo grandes oportunidades de conhecimento, juntamente com lindas vistas da paisagem, além das igrejas que são verdadeiras obras-primas.

Veja também:

Fernando de Noronha – Turismo na terceira idade

Pontos turísticos do Recife

Capela Dourada

Construída entre os séculos XVII e XVIII, ela dentro do Convento e Igreja de Santo Antônio, que também abriga um Museu de Arte Sacra.

Instituto Ricardo Brennand

O Instituto Ricardo Brennand é um dos pontos turísticos mais interessantes do Recife. É o local ideal para quem aprecia artes, objetos antigos e arquitetura. Com uma bela paisagem ao ar livre, árvores, cafeteria e edifícios em forma de castelo medieval.

Mosteiro de São Bento

Obra de estilo barroco, fundada entre 1586 e 1592, destaca-se entre as demais por possuir um belo conjunto arquitetônico, que inclui pinturas e um trabalho muito detalhado em ouro . Estima-se que foram utilizados cerca de 100kg na decoração.

Embaixada dos Bonecos Gigantes

A Embaixada dos Bonecos Gigantes tem em exposição os famosos bonecos criados para o Carnaval nas duas cidades, onde os turistas tem uma clara ideia da dimensão, estrutura e modo de criação dos personagens.

Alto da Sé

O Alto da Sé é uma região de Olinda muito visitada por turistas. Ali se concentram alguns pontos turísticos – como o Elevador Panorâmico e a Igreja da Sé -, além de lojinhas e barracas que vendem artesanato.

Casa da Cultura

A Casa da Cultura é um antigo presídio desativado há cerca de 40 anos, onde hoje funciona como ponto turístico. O local, construído a partir do princípio panóptico, foi revitalizado e agora abriga lojinhas de artesanato e escritórios.

Centro Cultural Judaico

O Centro Cultural Judaico de Pernambuco é um ponto turístico relativamente novo no Recife, pois as escavações que descobriram a localização da antiga sinagoga da Rua Bom Jesus foram feitas apenas há pouco mais de 15 anos. O lugar é importante para os judeus e tem uma espécie de muro das lamentações, onde as pessoas podem deixar seus desejos.

Convento de São Francisco

O Convento de São Francisco, do ano de 1585, faz parte de um conjunto arquitetônico que inclui a Igreja de Nossa Senhora das Neves, a Capela de Santana e a Capela de São Roque.

Elevador Panorâmico do Alto da Sé

O Elevador Panorâmico do Alto da Sé não é uma atração antiga e histórica como a maioria dos pontos turísticos dessa região de Olinda, porém é um local interessante para visitar e tirar fotos da vista da cidade.

Forte das Cinco Pontas

O Forte de São Tiago das Cinco Pontas foi a última construção holandesa no Recife e pretendia proteger a capital de ataques estrangeiros e ajudar na distribuição de água potável.

Igreja do Carmo

A Igreja do Carmo teve sua construção iniciada em 1580 e é uma das obras mais simbólicas de Olinda. Construída no alto de um morro, foi a primeira igreja da Ordem dos Carmelitas na América Latina.

Marco Zero

O Marco Zero é conhecido como local de fundação da cidade do Recife e também como o ponto inicial de contagem das distâncias calculadas a partir da capital. É um dos pontos mais importantes na capital Pernambucana, pois é também uma região de forte movimento durante o Carnaval.

Oficina Brennand

A Oficina Brennand pertence ao artista pernambucano Francisco Brennand, propriedade que foi herdada de seu pai e transformada em um museu a céu aberto. O lugar possui ambientes diferentes e serve como oficina para produção de uma das cerâmicas mais resistentes do Brasil.

Rua do Bom Jesus

A Rua do Bom Jesus, antiga Rua dos Judeus, é uma das mais importantes do Recife. Ela é pequena, cheia de edifícios antigos e coloridos, entre eles um casarão onde foi instalada uma das primeiras sinagogas das Américas. Aos domingos acontece uma feira de artesanato.

Sé de Olinda

A Igreja Sé de Olinda é uma das igrejas mais famosas da vizinha do Recife. Seu exterior é imponente e em seu interior poderão ser observados alguns detalhes em ouro e azulejos portugueses. Dali há uma vista belíssima da cidade, especialmente no pôr do sol.

Torre Malakoff

A Torre Malakoff foi construída entre 1853 e 1855 e era a entrada para o Arsenal da Marinha. Um dos pontos turísticos mais famosos do Recife, abriga hoje um espaço cultural e científico com exposições diversas e um observatório astronômico. Subir pelo elevador ou pelas escadas e observar a vista panorâmica do lugar é recompensador.

Serviços ao turista