Principais sintomas e tratamentos da Sinusite

Principais sintomas da sinusite

A sinusite causa um grande desconforto, além de dor na região da face.
Tanto a crônica como a aguda tem sintomas similares, como pressão facial, dor, nariz escorrendo muco grosso e transparente e congestão nasal. Porém, a sinusite aguda é diagnosticada quando você tem dois ou mais desses sintomas aliados à secreção nasal grossa, amarela ou verde. A sinusite crônica se caracteriza por todos esses sintomas por mais de 12 semanas, acompanhada de:

  • Pus na cavidade nasal;
  • Tosse;
  • Febre alta;
  • Dor de cabeça;
  • Fadiga;
  • Perda de apetite e olfato;
  • Mau hálito;
  • Dor de dentes.

Veja também:

Sinusite – Remédios caseiros

Principais sintomas e tratamentos da Sinusite

Principais tratamentos para a sinusite:

O melhor tratamento é descobrir a sua causa.

A ocorrênciaé bastante comum. Mas a maioria das pessoas que tem acaba escolhendo tratamentos não muito eficazes. Portanto, antes de sair correndo para a primeira farmácia que ver pela frente, importa saber como lidar com essas condições da maneira correta. Na verdade, o segredo para o tratamento da sinusite é descobrir a sua causa. Pois normalmente, o melhor tratamento para a sinusite é uma combinação de abordagens diferentes. Ou seja, tratamento médico com medicamentos, remédios caseiros e cuidados pessoais.

  1. Infecção por resfriado comum

Se há a ocorrência de uma simples infecção, o médico poderá recomendar o uso de descongestionantes e soluções salinas nasais (soro fisiológico nasal).

  1. Infecção alérgica

No caso que é causada por alergias, o uso de descongestionantes por si só não serão de grande ajuda. O médico poderá prescrever um tipo de anti-histamínico para acompanhar o tratamento. Se a causa estiver associada à presença de fungos, provavelmente o médico irá prescrever um medicamento antifúngico.

Atenção: Não se deve usar descongestionantes sem prescrição médica por mais de 3 dias. Isso pode fazer com que você fique ainda mais congestionado.

  1. Deficiência imunológica

Se houverem deficiências imunológicas, o médico poderá prescrever imunoglobulina, que ajuda o seu organismo a lutar contra o que ele tiver que reagir.

Em qualquer dos casos, a orientação médica é indispensável.