Plano de saúde – Os melhores de São Paulo, Capital e interior

Plano de saúde – Os melhores de São Paulo, Capital e interior

Apenas na cidade de São Paulo são mais de 43 milhões de habitantes (de acordo com a projeção da Fundação Seade feita em 2015), o que faz dela uma das mais problemáticas no que diz respeito à saúde. Existem inúmeras grandes cidades no interior do Estado que acabam sofrendo como a capital, salvas as devidas proporções.

Com o corre-corre da vida moderna, acabamos por negligenciar a atenção que precisa ser dada à nossa saúde e, ao precisarmos numa eventual urgência, caímos no serviço público que não atende nossa real necessidade. Sendo assim, listaremos abaixo algumas possibilidades para a realidade paulista.

São Paulo – Capital

Sendo a mais importante capital brasileira, a cidade de São Paulo acaba sendo atendida pelas principais operadoras do Brasil, no tocante a planos de saúde.

Daremos destaque às principais, mas você ainda encontrará outras opções em bairros específicos, como aqueles planos oferecidos por associações e caixas beneficentes.

Os principais planos de saúde da capital

  • Sulamérica
  • Unimed
  • One Health
  • Amil
  • Biovida
  • GreenLine
  • Intermédica
  • Transmontano
  • Prevent
  • Omint
  • Qualicorp
  • Bradesco
  • Transmontano
  • São Cristóvão
  • Medical Healt
  • Allianz
  • Green Line
  • Garantia Saúde
  • Notredame
  • Samed
  • Porto Seguro

São Paulo – Interior

Com uma grande quantidade de cidades de grande porte, o interior de SP tem particularidades específicas em cada região, ou até mesmo cidade em que você se encontre. Muitos planos de saúde podem ser encontrados, mas abaixo temos uma lista das grandes operadoras que abrangem todo o interior.

Os principais planos de saúde do interior

  • Bradesco
  • Amil
  • Unimed
  • Qualicorp
  • Allianz
  • Bradesco
  • Notredame
  • Sompo
  • Sulamérica
  • One Health
  • One Lincx

É importante identificar nosso perfil e necessidades específicas antes de contratar um plano de saúde. Muitas vezes contratamos serviços pagando itens que não utilizaremos, ou se focamos unicamente no preço corremos o risco de não sermos atendidos em necessidades que temos e não consideramos no ato da assinatura do contrato. De qualquer forma, pesquisar e conversar com outras pessoas que já são atendidas pode ajudar bastante.