Óleos Essenciais – Os benefícios da Aromaterapia

Aromaterapia – Conheça seus benefícios

A aromaterapia é usada há centenas de anos como ferramenta de de cuidado integrativo físico e emocional. Especialidade terapêutica, a prática também pode ser trazida para o autocuidado – seja pelo cultivo do bem-estar, da imunidade e até melhora da aparência da pele. Mas a aromaterapia pede muito conhecimento e atenção no uso. Preparamos um guia com informações básicas antes de você começar a usar um óleo essencial.

Aromaterapia, óleo essenciais… O que é

Aromaterapia é a arte-ciência da utilização terapêutica dos óleos essenciais, extraídos das folhas, talos e flores da plantas. É a natureza oferecendo cura em abundância. Os OEs (sigla comum para “óleos essenciais”) possuem propriedades terapêuticas e atuação diretamente em questões físicas. Muitos têm potencial regenerador e cicatrizante.

Confusão: quem nunca ouviu alguém dizer algo do tipo “ah, comprei uma essência maravilhosa…”. Corre que é cilada! Enquanto os OES são naturais, as essências são sintéticas e podem causar reações alérgicas! Inclusive vale ficar de olho no rótulo dos cosméticos. Se tem “essência”, foge que é cilada!

Cuidado com a quantidade

Óleos essenciais são substâncias voláteis extremamente concentradas:  1 gota equivale a cerca de 24 xícaras da planta – mas pode variar por tipo de planta! Esta é uma informação básica e essencial para garantir segurança no uso da aromaterapia no dia a dia. Nobres, os óleos essenciais são fruto de uma extração delicada para não prejudicar a natureza. E precisam ser usado com muita (muita) consciência! .

Veículos carreadores: melhores amigos dos OEs

Por isso o óleo essencial não deve ser aplicado diretamente sobre a pele. Todo óleo essencial deve ser diluído. É aí que entram os co-protagonistas desse universo: os chamados veículos carreadores, para a diluição dos OEs. Gel (pense na queridinha das naturebas, a aloe vera!), óleos vegetais (castanha, amêndoas, semente de uva, gergelim e, entre outros, até azeite de oliva!

Há dezenas de tipos e eles, por si só, tem funções benéficas à pele. Mas precisa ser natural de verdade, ok? Explicamos aqui neste artigo as diferenças entre um óleo vegetal natural e um pseudo natural). E, neste, os óleos vegetais com capacidade rejuvenescedoras.

Existem centenas de óleos essenciais: você não precisa ter todos

Existem centenas de óleos essenciais, cada um com uma função, seja física, seja emocional. A natureza é inteligente e tem alternativas de cuidado pra tudo! Hoje trazemos uma lista das funções pelas classificações mais comuns. Antes, porém, vale lembrar, OEs são extraídos da natureza, são nobres, alguns até raros! Excesso não combina com aromaterapia! .

E ninguém precisa ter vários, basta ter aqueles mais versáteis ou que estejam alinhados com as suas necessidades. ——> Consumir consciente é consumir o essencial. Para isso, é interessante entender a classificação básica das funções, assim é possível optar pelos mais versáteis e multifuncionais:

-Afrodisíacos: ylang-ylang, gengibre, gerânio, patchouli e sândalo.

-Analgésicos: camomila-romana, lavanda e louro.

-Animadores: alecrim, café torrado, noz-moscada e tomilho linalol.

-Antidepressivos: jasmin, breu branco, sálvia sclarea, gerânio, laranja-doce e vertiver.

-Digestivos: anis-estrelado, funcho-doce, hortelã-pimenta, laranja-doce, menta, limão-siciliano.

-Estimulantes: alecrim, café torrado, cardamomo, canela e hortelã-pimenta.

-Insônia: laranja-doce, lavanda, lavandin e olíbano  e manjerona.

-Rejuvenescedores da pele: gerânio, copaíba, lavanda, immortelle italicum, mirra e palmarosa.

-Respiratórios: alecrim (qt. cineol), eucalipto glóbulos, menta, junípero, lavandin e tea-tree.

Uso no dia a dia

Aromaterapeutas usam os óleos essenciais para os mais diversos tratamentos com eficácia e segurança. Mas também é possível usar os OES no autocuidado no dia a dia, seja para cultivar o bem-estar, potencializar a imunidade ou mesmo cuidar da pele. As formas mais simples de usá-los são:

  • No ambiente: pingue 10 gotas no seu aromatizador! Eu uso um de cerâmica, como este da foto, que está num cantinho de meditação (mas cada dia ele está num canto diferente da casa, conforme a necessidade!) à noite, levo pro quarto e gosto de pingar laranja-doce no. Durante a meditação, olíbano!
  • Colar aromático: pingue 2 gotas em um chumaço de algodão e acomode no seu pingente! (Truque: até na gola da blusa já pinguei!)
  • Escalda-pés: já contei que amo esse ritual de bem-estar? Basta pingar 15 gotas (que tal lavanda!?) em uma colher de óleo vegetal e adicionar a um balde com água quente (cuidado para não se queimar). Mergulhe os pés e desfrute!
  • Massagem corporal: 60 gotas de OE em 120 ml de óleo vegetal (escolha um recipiente de vidro de cor escura ou guarde em local longe da luz. Assim você terá um óleo terapêutico e funcional sempre a postos.
  • Banho: pingue duas gotinhas no chão do box. O vapor da água vai criar uma sauna aromática irresistível.
  • Óleo facial regenerador para pele do rosto.