O hábito de estalar os dedos faz mal?

Old man with finger pain

Estalar os dedos de vez em quando não faz mal, nem prejudica as articulações, no entanto, se estalar os dedos se tornar um hábito e a pessoa estalar compulsivamente, isto pode causar problemas como lesões na articulação, perda da flexibilidade e diminuição da força nos dedos.

Além disso, estalar os dedos pode engrossar as juntas e aumentar o risco de artrite em pessoas predispostas. O mesmo pode acontecer com qualquer outra articulação do corpo.

O que acontece ao estalar os dedos

Quando estalamos os dedos, há um atrito entre os ossos e um estiramento da cápsula que forma a articulação e neste momento as pequenas bolhas de gases que estão presente no líquido que lubrifica internamente a articulação são liberadas bruscamente, promovendo o ruído do estalo.

O hábito de estalar os dedos faz mal?
Articulação normal
O hábito de estalar os dedos faz mal?
Desgaste da articulação por estalar os dedos

 

 

Ao puxar os dedos para cima também se ouve um estalo, mas este é um pouco diferente e é provocado por um vácuo que forma devido à diferença de pressão e à movimentação brusca do líquido sinovial existente dentro da articulação.

Como parar de estalar os dedos

Para vencer o hábito de estalar os dedos, pode-se conscientizar das consequências que este mau hábito pode trazer. Pedir a alguém que chame a atenção sempre que estalar os dedos pode ajudar a controlar a situação.

Quem fica estalando os dedos ou outras articulações, como as costas e o pescoço, em busca de alívio ou porque sente a articulação está “presa”, deve procurar um profissional, para que este lhe faça uma avaliação e veja as necessidades do indivíduo. As articulações podem estar sendo sobrecarregadas devido a músculos muito tensos e isso pode ser tratado.

O hábito de ficar estalando os dedos frequentemente deve ser vencido, controlando a ansiedade. Tomar um chá calmante como o de camomila ou o suco de maracujá feito com a polpa da fruta pode ajudar a ficar mais calmo. No entanto, em caso de ansiedade generalizada é aconselhado buscar ajuda médica.