Boa forma física reduz risco de morte precoce em homens

Boa forma física reduz risco de morte precoce em homens
Novos estudos dão mais uma razão para os sedentários começarem a se mexer: A boa forma física reduz o risco de morte de homens de meia-idade não apenas por doença cardiovascular, mas também por câncer, entre outras doenças.

Boa forma física

Pesquisadores finlandeses confirmaram que o desempenho cardiorrespiratório precário aumenta nos homens o risco de morte prematura assim outros fatores de risco conhecidos como fumo, pressão alta, obesidade e diabete.

A equipe, dirigida por Jari A. Laukkanen, da Universidade de Kuopio, baseou-se no estudo de 1.300 homens que não tinham doença cardiovascular, problemas pulmonares ou câncer. Com idade média de 52 anos, eles foram acompanhados por mais de 10 anos.

No início, os participantes realizaram um exame de esforço físico em uma bicicleta ergométrica e tiveram registrada sua capacidade de absorção máxima de oxigênio, medida aeróbica de potência respiratória, que mostra a intensidade da atividade física que uma pessoa pode realizar.

Boa forma física reduz risco de morte precoce em homens

O resultado do teste

Aqueles que conseguiram fazer o exercício por mais tempo e apresentaram maior absorção de oxigênio tinham maior probabilidade de estarem vivos ao final do estudo, disseram os pesquisadores na revista Archives of Internal Medicine.

Os homens sem preparo físico, que apresentaram menor capacidade de absorção de oxigênio no teste de resistência inicial, estavam três vezes mais propensos ao risco de morte por alguma causa, mesmo depois de descontados os fatores que poderiam influenciar o resultado como idade, fumo e uso de álcool.

A probabilidade do risco de morte continuou a mesma entre os homens que apenas conseguiram completar o teste curto de exercício.

Benefícios do condicionamento físico

O condicionamento físico beneficia o coração da maioria das pessoas, isso é certo, mas os benefícios de manter a forma pareceram ser mais amplos, segundo o estudo.

Homens com alta absorção de oxigênio e testes de exercício longos mostraram menor probabilidade de morrer não apenas por doença cardiovascular, mas por várias outras causas, incluindo o câncer, de acordo os pesquisadores.

Os efeitos do exercício sobre a saúde cardiovascular são conhecidos, mas a associação entre boa forma física e redução do risco de morte por outras causas ainda está para ser bem compreendida, segundo o estudo.

“Um desempenho físico, leia-se cardiorrespiratório, precário, de qualquer forma, é um fator de risco independente de morte prematura tão importante quanto o fumo, hipertensão, obesidade e diabete”, concluiu o estudo.

Veja também:

Exercícios para controlar a hipertensão