Depilação – Cera quente ou fria – Prós e contras

Depilação – Cera quente ou fria – Prós e contras

Quem opta por fazer a depilação em casa tem boas alternativas de métodos à disposição e pode escolher tanto pelo investimento em produtos, níveis de dor ou praticidade na execução. A variedade de produtos disponíveis no mercado é bastante abundante: lâminas de diferentes tamanhos e ângulos, ceras e cremes de diferentes componentes, aparelhos elétricos com várias funcionalidades e até aparelhos de foto depilação.

Depilação com cera quente

Depilação – Cera quente ou fria – Prós e contras

Esse método usa cera de receita caseira ou industrializada para eliminar os pelos. O produto é aplicado quente sobre a região a ser depilada e retirado com um puxão. Os pelos saem pela raiz.

Prós:

A cera quente é um método barato, com opções de produtos comercializados e acessíveis ou receitas caseiras. Como o método remove os pelos pela raiz, o que resulta em uma depilação com uma duração de até 20 dias, variando conforme a pessoa.

Contras:

A cera quente promove a perda da elasticidade da área depilada (pois é arrancada a cera à força), além de escurecimento da região (por conta do atrito e calor da cera), alto nível de dor e, em alguns casos, foliculite.

Indicado para:

Pode ser feita em qualquer área do corpo.

Dicas:

  1. Antes de começar a depilação, fazer um teste de sensibilidade no pulso, para verificar a temperatura e não correr o risco de se queimar;
  2. Nunca passar a cera no sentido contrário ao crescimento dos pelos. O correto é sempre aplicar no mesmo sentido em que os pelos crescem;
  3. Não deixar a cera secar demais, e atenção para não usar pouca quantidade de produto. Isso faz com que a cera fique quebradiça e dificulta a retirada, além de aumentar a dor;
  4. No caso de ceras industrializadas, conferir os ingredientes da composição para evitar possíveis alergias;
  5. Dá pra fazer a cera em casa misturando quatro xícaras de açúcar, uma de suco de limão e uma de água. Basta levar ao fogo por cerca de 20 minutos.

Depilação com cera fria

A depilação é feita com ceras industrializadas aplicadas frias sobre a pele, com o auxílio de um lenço próprio para este fim. O método remove os pelos pela raiz.

Prós:

A aplicação da cera fria é mais simples e prática que a da quente, uma vez que dispensa aparelhos de aquecimento e não apresenta o risco de queimar a pele. Por estar em temperatura ambiente, é uma opção mais adequada para quem tem varizes. A depilação dura aproximadamente 20 dias.

Contras:

Alguns produtos deixam resíduos, causando a sensação de pele grudenta. O método tende a ser mais dolorido e agressivo que a cera quente, uma vez que não conta com o calor para dilatar os poros.

Indicado para:

Pode ser usado em qualquer área do corpo, apenas com atenção especial a regiões mais sensíveis, como rosto e virilha.

Dicas:

  1. Para não ter reações alérgicas, ficar atento aos componentes dos produtos;
  2. Estar com a pele limpa e sem resíduos antes da depilação;
  3. Aplicar o produto no sentido de crescimento dos pelos e retirar na direção contrária;
  4. Após a depilação, utilizar uma loção com substâncias calmantes – camomila ou calêndula, por exemplo.