Filme nacional sobre sexualidade na terceira idade

“Antes que eu me esqueça” – Filme nacional sobre a terceira idade

Com estreia prevista para o dia 24 de maio de 2018, o longa metragem tramita no assunto da sexualidade na terceira idade. O filme na categoria de comédia dramática, tem ótimas atuações de Danton Mello e José de Abreu.

O filme narra a história de Polidoro que, aos 80 anos, resolve demolir a estabilidade de sua vida confortável de juiz aposentado e se tornar sócio de uma boate de striptease. Beatriz, sua filha, resolve o interditar judicialmente. Seu filho Paulo se diz incapaz de opinar pois não mantém relações com o pai. O juiz determina o encontro forçado de pai e filho e a reaproximação transformará suas vidas.

A visão do diretor do filme

 “O filme tem um tema que é central na sociedade hoje em dia: quem não está vivendo o envelhecimento da população vai viver em breve. A sociedade precisa começar a criar um novo espaço para essa sobrevida – até em relação ao prazer”, afirma Arakilian, o diretor.

Elenco

Danton Mello: Paulo

José de Abreu: Polidoro

Mariana Lima: Maria Pia

Augusto Madeira: David

Letícia Isnard: Bia

Guta Stresser: Joelma

Eucir de Souza: Alceu

Saulo Rodrigues: Braulio

Silvio Matos: Evandro

Dedé Santana: Gregório

Kathia Calil: Kats

Miguel Nader: Jorjão

Luiz Magnelli: Milton

Aisha Jambo: Advogada Bianca

Bruno Debaux: Juiz Carlos

Cora Zobaran: Mirta

Claire Digonn: Rosa

Eder Paolozzi: Maestro da orquestra

Ficha técnica

Direção: Tiago Arakilian

Coprodução: Fraiha, Titânio, D+ Filmes e Globo Filmes

Distribuição: Imagem

Roteiro: Luisa Parnes

Diretor: Tiago Arakilian

Produtora Executiva: Silvia Fraiha

Diretor de Produção: James O’Malley

Diretor de Fotografia: Leonardo Vasconcellos

Direção de Arte: Iolanda Teixeira

Produtor de Arte: Alice Carvalho, Fábio Lusvarghi

Coordenação Financeira: Pedro Mansur

Maquiadora: Sara Chaves

Figurinista: Mariana Reginaldo

Técnico de Som: Leandro Lima

Microfonista: Anderson Ferreira

Montador: Quito Ribeiro

Trilha Sonora: Caio Marcio dos Santos

Coordenador da Orquestra: Priscila Cesgranrio

Roteirista: Luisa Parnes

Tradução: Marcela Amaral