SEBRAE: Plano de Negócios para empreender na Terceira Idade

SEBRAE: Plano de Negócios para empreendedores da Terceira idade

Aproveite a experiência para empreender na terceira idade

Pessoas acima de 60 anos reúnem características ideais para o empreendedorismo. Elas têm menos medo dos riscos e apostam na realização pessoal ao abrir negócio.

Empreender é um caminho que tem sido escolhido por brasileiros da terceira idade como alternativa para uma vida mais ativa, mesmo após a aposentadoria.

De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) a população idosa, no Brasil, será de 30 milhões até 2020.

A criação de negócios por pessoas na terceira idade ocorre por dois aspectos:

  • Oportunidade: a terceira idade é o momento em que há mais tranquilidade, conhecimento e segurança para fazer o que se sabe ou o que se gosta, muitas vezes pela realizar de um sonho;
  • Necessidade: as condições impostas pelo mercado de trabalho com a priorização da juventude em detrimento da experiência dos mais velhos ou para complementar a renda obtida com a aposentadoria.

Perfil

A fase da terceira idade pode ser aproveitada como momento ideal para investir em um negócio: diferentemente dos mais jovens, os idosos têm menos medo dos riscos e estão mais preocupados com a realização pessoal do que com o lucro.

A experiência e a maturidade profissional são favoráveis aos mais experientes e contribuem para o sucesso de qualquer organização.

Oportunidades

Assim como em qualquer idade, a decisão pela abertura de uma empresa passa pela análise de vantagens e desvantagens, além de exigir planejamento e avaliação das possibilidades.

As características identificadas nos idosos são favoráveis a negócios relacionados às atividades de consultoria, assessoria e prestação de serviços.

Geralmente, pessoas que começam a empreender depois dos 60 anos desenvolvem essas atividades de forma autônoma, principalmente nos setores de alimentação, comércio de varejo e imobiliário.

SEBRAE: Plano de Negócios para empreendedores da Terceira idade

Veja também:

IBGE registra aumento de vagas de trabalho para terceira idade

Como começar

Elaborar um bom plano de negócios, estudar o mercado e buscar capacitação são pontos primordiais. O Sebrae oferece apoio em todas as etapas.

Veja o que deve também ser considerado para abrir um negócio na terceira idade:

  • Buscar ajuda: experiência e aptidão são credenciais para abertura de um negócio, mas não bastam para determinar o sucesso de um empreendimento. Consultar especialistas para conseguir ajuda no amadurecimento da ideia e de sua viabilidade, além de saber por onde se deve começar.
  • Investir em capacitação: o conhecimento e as competências adquiridas durante a vida profissional devem estar afiados. Isso deve ser valorizado, mas não pode dispensar mais conteúdo. Por isso, especializar-se na área de interesse do negócio. Fazes cursos, participar de seminários, feiras e exposições.
  • Inovar: observar o que há de novidade no mercado para oferecer produtos ou serviços diferenciados. Inovação implica não só investir em tecnologia, mas buscar soluções que tornem a empresa sustentável.
  • Dedicação: investir em um negócio exige determinação em qualquer idade. Há muitas ideias, mas é preciso coragem e determinação para colocá-las em prática. Não ter medo de errar é uma característica de empreendedores de sucesso.