Vida Sexual na terceira idade: Quantidade X Qualidade

Vida Sexual na terceira idade: Quantidade X Qualidade

A vida sexual é um dos pontos da existência humana que influencia nas outras áreas da vida. Claro que há muitos fatores que precisam ser considerados. Saúde, desejo e estilo de vida acabam impedindo ou viabilizando o desempenho sexual de cada um.

Um fator preponderante no que diz respeito ao assunto é a idade. Um estudo do Instituto de Kinsey, dos Estados Unidos, sobre Sexo, Gênero e reprodução, constatou que a frequência das atividades sexuais tende a cair com o passar dos anos. Podendo variar entre uma vez por semana a uma vez por mês.

Frequência da vida sexual

Os jovens entre 18 e 29 anos têm, em média, 112 relações sexuais por ano, o que corresponde a três encontros por semana. Já em adultos de 30 a 39 anos, a média anual cai para 86, o que equivale a 1,6 relações por semana. Já o grupo entre 40 e 49 anos de idade tem 69 sessões por ano ou 1,3 relação semanal, um pouco mais da metade em relação aos mais jovens.

Veja também:

Fazer sexo regularmente faz bem ao coração

Idade influencia na vida sexual

Esse resultado, de acordo com a pesquisa, deve-se ao fato de que, com o passar dos anos, as obrigações familiares, o stress do dia a dia e a perda de aptidão física e mental – que podem ser fatores agravantes para a queda da frequência sexual – podem a aumentar.

Outro estudo, publicado na revista científica The Journal of Sex Research, indica que as mudanças físicas que acontecem ao longo dos anos, juntamente com o quão velhos nos sentimos, podem influenciar a experiência como um todo.

“A conclusão que emerge desses estudos é que, à medida que envelhecemos, nossas chances de desenvolver condições de saúde crônicas aumentam e isso, por sua vez, afeta negativamente a frequência e a qualidade da atividade sexual”, explicou Justin Lehmiller, em uma publicação do Instituto Kinsey.

O casamento também influência diretamente na frequência sexual: 34% dos casados têm relações entre duas e três vezes por semana, 45% têm algumas vezes por mês e 13% apenas algumas vezes por ano.

Terceira idade: Quantidade X Qualidade

Vida Sexual na terceira idade: Quantidade X Qualidade

Na terceira idade, embora aja a tendência da diminuição na quantidade das atividades sexuais, a oportunidade de se viver um período de qualidade aumenta bastante. Se a saúde estiver regular e houver uma dedicação em equilibrar a vida emocional, há uma grande chance de se viver um bom período de plenitude nesta área. Não temos mais filhos pequenos e, de maneira geral, aprendemos a lidar com os reveses da vida de maneira que eles passam a não interferir tanto no nosso desempenho.