5 cidades com carnaval tradicional do Brasil

5 carnavais tradicionais do Brasil

Vejamos algumas das cidades que tradicionalmente tornam-se uma grande festa na época do carnaval. Independente de qual seja, o que mais importa no carnaval é a alegria, e isso as cinco tem de sobra.

Cidades com carnaval tradicional

5 carnavais tradicionais do Brasil

Olinda (PE)

Carnaval tradicional que surgiu no início do século XX, as festas em Olinda tem sua origem ligada aos Clubes Carnavalescos, como os históricos Clube Carnavalesco Misto Lenhadores e o Clube Carnavalesco Misto Vassourinhas. Desde então, animam muitos nordestinos e turistas que querem aproveitar o feriado em um lugar repleto de tradições.

Ouro Preto (MG)

O carnaval mais tradicional de Minas Gerais mistura o visual de um local histórico com o clima de uma cidade universitária. Desde o século XIX a cultura em torno da comemoração vem sendo passada de geração para geração.

Em Ouro Preto a festa também tem como atividade principal os blocos carnavalescos, que animam os foliões desfilando pelas ladeiras da cidade. Esses são dividos em blocos estudantis, organizados pelas repúblicas, e blocos tradicionais, feitos pelo que chamam de “cidadãos ilustres”. Fundado em 1867, um dos blocos mais tradicionais é o Zé Pereira dos Lacaios, que tem como marca a presença de bonecos gigantes e o figurino com fraques, cartolas e lanternas. O carnaval de Ouro Preto conta com Escolas de Samba que desfilam na Praça Tiradentes.

Rio de Janeiro (RJ)

O carnaval carioca é um dos mais famosos e desejados por aqueles que gostam de aproveitar intensamente a época. Com três tipos de atividades principais, no Rio de Janeiro se pode escolher os blocos de rua, assistir desfiles de escolas de samba monumentais ou dançar marchinhas em diferentes bailes. Nos desfiles da Sapucaí é possível assistir ao show preparado pelas escolas de samba cariocas. Idealizados com base em um tema central, os carros alegóricos e diferentes alas percorrem a avenida ao som de enormes baterias e de vozes que, acompanhando o puxador de samba, cantam o samba enredo. Um verdadeiro espetáculo capaz de encantar e arrepiar qualquer um.

Salvador (BA)

O carnaval baiano é perfeito para quem gosta de animação e, principalmente, de muito axé. Seja com abadás, em camarotes, ou na pipoca, a festa é garantida em Salvador.

Os blocos, nos quais shows de diversos artistas são realizados sobre trios elétricos, desfilam por três circuitos principais: Dodô (Barra – Ondina), Osmar (Campo Grande – Avenida Sete), Batatinha (Centro Histórico) e o recém-criado Afódromo, onde blocos afros e afoxés desfilam desde 2013, saindo do Bairro do Comércio.

São Luiz do Paraitinga (SP)

Um dos mais tradicionais de São Paulo, o carnaval de marchinhas de São Luiz do Paraitinga atrai milhares de foliões. Retomada na década de 1980, a festa foi proibida por muito tempo. Entre as ameaças a quem ousasse realiza-la, estava a de que cresceriam na pessoa um rabo e dois chifre. Hoje em dia, o carnaval de São Luiz do Paraitinga já é um dos maiores do estado.