Talos de Cenoura, Brócolis e Espinafre – Como aproveitar

Talos de Cenoura, Brócolis e Espinafre – Como aproveitar

Normalmente, de tudo que chega da feira, uma boa parte vai para o lixo: talos, folhas e cascas ficam de fora das receitas e são desperdiçados. Que tal encontrar soluções boas para cenoura, brócolis e espinafre?

Como aproveitar os talos dos legumes

Talos de Cenoura, Brócolis e Espinafre – Como aproveitar

Cenoura

Em vários mercados a cenoura é vendida com a folhagem. O vendedor costuma perguntar se queremos levar com ou sem as folhas. O gosto da folha de cenoura é bem marcante. Utilize um peito de frango inteiro, com o osso. Coloque para cozinhar na pressão coberto de água. Para o caldo não ficar sem graça, complementar esse cozido com as folhas da cenoura (que pode ser guardada no freezer também), uma cebola picada e outros temperos que tiver. Depois que o frango sai da pressão, se tem um caldo delicioso para congelar e usar em risotos ou sopas.

Espinafre

Os talos de espinafre podem dar um up na água do arroz. Depois de tirar as folhas, cortar os talos em pedaços e colocar em uma panela com água. Deixar ferver por alguns minutos, até que a água fique verdinha. Dá para usar na hora ou congelar em saquinhos de plástico para os próximos dias. Refogar a cebola e o arroz normalmente, e usar a água do espinafre para cozinhar. O arroz não fica com gosto e mal dá para perceber que foi cozido com a água do espinafre.

Brócolis

Tirar as flores do brócolis para fazer salada ou assar no vapor para acompanhar algum prato no almoço. Juntar o caule e as folhas e congelar se não for usar naquele dia. Para fazer o arroz, picar tudo bem pequeno. O gosto do caule e das folhas é exatamente o mesmo das flores, a parte “nobre” do brócolis. O arroz fica muito gostoso, nem dá para perceber que foi feito com os pedaços que muita gente joga fora.